Gostou? Então ajude a divulgar. Compartilhe!

A Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg) considera legítimo e apoia os caminhoneiros pelo movimento de redução da carga tributária que eleva o preço dos combustíveis e de todos os insumos do sistema produtivo. “O setor rural também sofre com os aumentos contínuos do preço dos combustíveis, que impactam diretamente os custos de produção e transportes. Esta situação prejudica a competitividade dos produtos brasileiros, especialmente de Goiás, que longe dos portos e sem outros recursos multimodais de transporte, pode inviabilizar toda produção”, enfatiza o presidente da Faeg, José Mário Schreiner.

A Faeg reforça que o aumento indiscriminado dos impostos representa uma ameaça a própria segurança alimentar da população, pois afeta diretamente a produção agropecuária e consequentemente os preços finais aos consumidores. Só para se ter uma ideia, a política de aumento da Petrobrás junto às refinarias somente nos últimos 30 dias, promoveu um aumento de 17,5% na gasolina e 16,5% no diesel. “Isso impacta diretamente toda a economia. Fato este que gera um prejuízo em cadeia, pois tem grande peso em todos segmentos econômicos, desde o setor agropecuário até a distribuição de alimentos e produtos”, reforça José Mário.

Neste sentido, como representante dos produtores rurais goianos, a Faeg se solidariza com os caminhoneiros e vai engrossar as fileiras por políticas mais justas.

Foto capa: Arquivo Portal PaNoRaMa

Gostou? Então ajude a divulgar. Compartilhe!
Novo Mundo AQ728x90

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here