Saúde e Bem Estar

Os desafios diários da obesidade

Gostou? Então ajude a divulgar. Compartilhe!

A obesidade é uma doença crônica com consequências que vão além da contagem de quilos. Superá-las é fundamental para evitar graves problemas de saúde.

Por que é tão difícil emagrecer e manter o peso ao longo do tempo? Essa é uma pergunta feita constantemente por quem vive na luta contra os quilos a mais na balança. Mas há respostas. Primeiro, é preciso entender que as causas da obesidade são complexas. Ela pode ser influenciada por questões fisiológicas, psicológicas, ambientais, socioeconômicas e genéticas. Por isso, nem sempre a mudança de hábitos, como uma dieta de poucas calorias e a prática regular de atividades físicas, é suficiente para promover a perda de peso – e as frustrações de quem tenta e não consegue emagrecer podem dificultar ainda mais o cenário.

Em segundo lugar, a obesidade é estigmatizada. “Isso acontece tanto por parte de pacientes quanto por profissionais de saúde. Muitas vezes, o paciente não procura tratamento porque não acha que tem uma doença. E, quando busca ajuda, pode encontrar um profissional que reforce esse estigma por achar que basta ter força de vontade para emagrecer”.

Por isso, é importante deixar claro: a obesidade é uma doença crônica e um dos maiores problemas de saúde pública da atualidade, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). O excesso de peso tem impacto direto na expectativa de vida: 74% dos brasileiros morrem em consequência da obesidade, que pode desencadear problemas tão graves quanto doenças cardiovasculares, diabetes e câncer.

Alterações no corpo

Algumas pessoas perdem peso mais facilmente do que outras. É possível que, mesmo com uma dieta restritiva e exercícios intensos, o indivíduo não consiga emagrecer. Por que isso acontece? Os níveis dos hormônios de fome e saciedade costumam ser diferentes em pessoas com obesidade em comparação a quem tem peso dentro do recomendado. Em algumas pessoas com obesidade, quando uma quantidade suficiente de alimentos é ingerida, a resposta hormonal é insuficiente – e ela se sente com fome, mesmo que não precise mais de comida.

“Com a mesma quantidade de alimento, a pessoa com obesidade vai sentir mais fome. Isso acontece por causa de alterações hormonais no centro de saciedade”. Além disso, durante pelo menos 12 meses após a perda de peso, o corpo volta a ligar os sinais que desencadeiam o apetite, o que potencialmente pode causar excessos na hora de comer.

A perda de quilos também desacelera o metabolismo. O organismo busca recuperar o peso. Por isso, ganhar peso depois de começar a emagrecer é comum.Por não saber que isso acontece por motivos fisiológicos, as pessoas se sentem culpadas.

Se você tem enfrentado dificuldades, não desanime. Que tal estabelecer metas mais concretas, que funcionam independentemente do peso inicial? Uma perda de peso de 10% já é suficiente para trazer grandes benefícios para a saúde. Há melhorias na pressão arterial, no índice de glicemia, nos níveis de colesterol e na apneia obstrutiva do sono. O número pode parecer pequeno, mas é comprovadamente eficaz. Além disso, é mais palpável do que estabelecer metas irreais.

Se você alcançou sua meta, esse é um excelente estímulo para seguir em frente. Por saber que o corpo vai tentar recuperar o peso, é fundamental manter os hábitos alimentares saudáveis e não desistir da prática de exercícios.

Em Jataí, a academia Topy Fitness oferece os melhores exercícios com preços acessíveis e instrutores e personais qualificados para auxiliar no treino em musculação, zumba, fitdance, muay thai, glúteos, boxe, abs, jump e ainda circuito funcional.

Vale ressaltar que o horário de funcionamento da academia é das 6h às 23h de segunda a sexta e aos sábados das 8h às 12h a fim de melhor atender e encaixar aos horários dos clientes.

academia Topy Fitness está localizada na Rua Capitão Serafim de Barros com a Minas Gerais. Telefone para contato: (64) 99927-6450 / 3631-0029.

Gostou? Então ajude a divulgar. Compartilhe!
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top