Gostou? Então ajude a divulgar. Compartilhe!

O problema não é a quantidade de calorias que a água com gás provoca. Segundo pesquisas, o gás da bebida ativa o hormônio da fome estimulando com que você coma mais.

Mesmo sendo um estudo realizado com poucos participantes, podendo não ser de grande consenso, alguns nutricionistas não aconselham o consumo diário da água gaseificada; por obter aditivos que favorecem a retenção de líquidos e, embora algumas pessoas alegam que comem menos porque o gás enche o estômago, o que ele realmente causa é distensão muscular e flatulência; deixando a barriga inchada e aparente.

O melhor é beber água natural, e até 500 ml, longe das refeições.

Laila Oliveira
Foto: Divulgação/Internet
Jornalismo Portal Panorama

Gostou? Então ajude a divulgar. Compartilhe!
Anuncie 728x90

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here