Automóvel

Chevrolet Onix recebe nota zero em teste de segurança do Latin NCap

Gostou? Então ajude a divulgar. Compartilhe!

Foi divulgado na última quinta feira (11) os resultados de testes de colisão realizados pelo Latin NCap, organização independente que avalia a segurança dos veículos. Entre os avaliados nessa rodada está o Chevrolet Onix, o carro mais vendido do país, que recebeu nota zero no teste de segurança de colisão lateral envolvendo ocupantes adultos.

De acordo com o Latin NCap, o desempenho deste veículo foi classificado como “pobre” no que diz respeito as colisões laterais, com risco para o passageiro devido a falta de estrutura que absorva o impacto, de acordo com as condições avaliadas por esta organização. Lembrando que o teste de colisão lateral não é obrigatório para a homologação de veículos no Brasil.

Além disso, “o teste de impacto lateral evidenciou uma compressão alta no peito do passageiro adulto, divulgando uma alta penetração na estrutura. O Onix não contava com dispositivos de absorção de energia em sua estrutura para impacto lateral, apenas barras nas portas”, afirmou o Latin NCap em seu relatório.  Dessa forma, ainda de acordo com a organização, o carro não cumpre os requerimentos básicos da regulação para impacto lateral das Nações Unidas e por conta do baixo desempenho estrutural, nem mesmo a inclusão de airbags laterais poderia modificar tal situação.

Quanto a proteção para crianças, o Onix recebeu 3 estrelas de 5 possíveis, porém, com duas ressalvas do Latin NCap. A primeira diz respeito ao cinto de segurança de dois pontos na posição central traseira o qual não possui ancoragens Isofix e o outro problema destacado é que as portas traseiras se abriram durante o teste, o que comprometeria a segurança das crianças.

Ressalta-se que o Chevrolet Onix já havia passado por testes de colisão em 2014, quando recebeu 3 estrelas para adultos, porém, o novo padrão de testes do Latin NCap com a inclusão da colisão lateral alterou a nota do veículo. Peugeot 208 e Fiat Palio também foram reavaliados, incluindo a colisão lateral e ambos também tiveram as notas rebaixadas por conta do desempenho neste teste.

Segundo a General Motors, o modelo “cumpre integralmente com todos os requisitos locais de segurança dos mercados onde é vendido na América do Sul. (…) Combinado com airbags duplos e freios ABS com distribuição eletrônica de força de frenagem, acreditamos que o Onix é um dos veículos mais seguros em seu segmento, que é apenas uma das razões de ser o veículo mais vendido na América do Sul”.

A associação de consumidores Proteste afirmou que pedirá a retirada do Onix do mercado e em nota argumentou que “é uma ofensa à inteligência do consumidor que a General Motors, que afirma que o Onix é baseado numa plataforma global, não tenha tido êxito na versão avaliada pelo Latin NCAP”, criticou a entidade. “Não consideramos que a América Latina seja depósito para carros fora dos padrões exigidos, no entanto, infelizmente, não parece ser a opinião da GM”.

Rosana de Carvalho – Site PaNoRaMa

Gostou? Então ajude a divulgar. Compartilhe!
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top