Moda e Beleza

Dicas preciosas para salvar os sapatos molhados de chuva

Vadven/Thinkstock
Gostou? Então ajude a divulgar. Compartilhe!

Durante o verão, umas das coisas mais comuns – além, claro, das temperaturas elevadíssimas – são as chuvas. Rápidas, poderosas e, por vezes, impetuosas, elas são ótimas para ajudar na respiração, mas podem não ser tão legais assim com os nossos pés.

Seus sapatos nunca estão tão protegidos quanto sua cabeça. Eles são as primeiras vítimas daqueles 20 minutos que parecem não acabar jamais.

Enquanto ninguém inventa um jeito melhor de protegê-los, o segredo é tentar recuperá-los depois de um dia chuvoso no verão.

1. Longe do sol

Jamais coloque o calçado sob o sol para secar, pois os raios solares ressecam o couro e o tecido, podendo danificá-lo ainda mais. O ideal é deixá-lo em local arejado e seco.

2. Não use secador

Aquecer o calçado com secador de cabelo ou na secadora também danifica os materiais como couro, tecido e costuras, além de favorecer que o solado se descole.

3. Deixe palmilhas e cadarços secarem separados

Conforme o modelo, a especialista indica removê-los para que eles sequem separadamente.

4. Jornal para sapatos de couro

Caso o sapato seja de couro, colocar jornal dentro para que ele absorva toda a umidade, mesmo sendo calçado aberto. A dica é trocar o papel de tempos em tempos até que o sapato seque completamente.

Depois de seco, os que são de couro liso podem precisar de um hidratante específico, encontrado em sapatarias e lojas de calçado, ou a cera de abelha, vendida em locais que têm produtos para animais. Outros tipos podem contar com um pouquinho de vaselina, deixando lá por 24 horas. Retire no dia seguinte com um pano seco.

5. Xô, mau cheiro!

Nunca guarde os sapatos molhados ou úmidos – isso já evita boa parte das chances de ficar aquele cheiro esquisito. Um truque caseiro bem simples é colocar cascas de frutas cítricas para que o calçado descanse e fique bem arejado. Laranja e limão cumprem bem essa função!

6. Não esfregue

Por mais que a vontade seja grande, evite, principalmente se o sapato for de camurça. Se precisar, passe uma escova suavemente depois de seco.

7. Para remover manchas

Utilize apenas uma flanela para tirar as manchas ou, se for preciso, uma graxa incolor para lustrar. Só cuidado para não manchar (mais), dependendo da cor do calçado.

8. Evite o mofo

O motivo importante para deixar que a peça seque totalmente antes de guardar é para não criar mofo, que adora umidade e calor para aparecer. Sapatos de materiais sintéticos, couro, tecido ou camurça podem ficar com marcas, facilmente removíveis com um pano umedecido em vinagre branco. Só passe no local exato e deixe secar na sombra, naturalmente.

Gabriela Kimura/ M de Mulher

Gostou? Então ajude a divulgar. Compartilhe!
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top